Akon quer fazer sua própria cidade no Senegal com a moeda virtual “AKoin” - Marimba-Musik | O Seu Mundo Digital --> -->
22 junho 2018

Akon quer fazer sua própria cidade no Senegal com a moeda virtual “AKoin”


A tecnologia começa a atingir grandes patamares em África, e pelos vistos o músico senegalês Akon pretende revolucionar mais ainda esse conceito, lançando no Senegal uma cidade que usará apenas criptomoedas.
O cantor quer construir sua própria cidade no Senegal e lançar sua própria criptomoeda como a forma central de troca. Falando na segunda-feira, 18 de Junho de 2018 , no Cannes Lions Festival Internacional de Criatividade, em um painel intitulado “Branding África: Blockchain, Empreendedorismo e Fortalecendo o Futuro”, o cantor abordou os seus planos para AKoin, a sua futura criptomoeda.
Durante o certame, Akon disse que a tecnologia blockchain e a criptomoeda podem ser “o salvador para a África de muitas maneiras” por causa de seu alto factor de segurança. O mesmo disse que o sistema baseado em aplicativos “permite que as pessoas o utilizem de maneiras em que eles possam avançar e não permitir que o governo faça as coisas que os estão mantendo para baixo”.

E essa cidade movida à criptomoeda?

Segundo uma informação inicial publicada pelo ICO Impact Group, há um plano muito mais ambicioso: uma “cidade 100% baseada em criptomoeda AKoin no centro da vida transaccional”, a ser construída no Senegal, comunidade planeada será chamada Akon Crypto City.

Será que este projecto vai mesmo sair do papel?

A empreitada está a ser construída em uma área de 8 mil quilómetros quadrados, e vai ficar a cinco minutos de um aeroporto internacional que será construído. Ficará localizado perto de Dakar, capital do Senegal.
Entretanto, Akon não deixou claro questões técnicas e detalhes sobre como vai funcionar nem a cidade nem a criptomoeda, dizendo: “Eu venho com os conceitos e deixo os nerds lidarem com o resto“.

0 comentários:

Enviar um comentário

Copyright © 2017-2018 Marimba-Musik || O Seu Universo Digital- Todos Direitos Reservado-Angola
Editado Por: Neves Alberto